post

Banco ou corretora, qual a melhor opção para fechar o câmbio das suas operações? Confira o nosso artigo e entenda as principais vantagens de cada um deles!

O nosso assunto de hoje é de extrema importância nas importações e exportações, pois se trata do pagamento internacional das operações. Para que o pagamento seja efetivado, o importador ou exportador precisa de um banco ou corretora que funciona como intermediário da operação, garantindo assim a segurança para as duas partes.

O dólar americano é a principal moeda utilizada no Comércio Exterior, porém, outras moedas como o Euro e a Libra Esterlina também são fortes e possuem grande destaque para a economia mundial, confira o nosso artigo sobre as principais moedas utilizadas em todo o mundo e saiba mais.

Antes de nos aprofundarmos mais nesse assunto e explicar a atuação dos bancos e corretoras, vamos entender como funciona uma operação cambial?

Primeiramente, é essencial entender que qualquer operação que envolva moedas estrangeiras deve ser realizada por operadores autorizados pelo Banco Central, caso contrário, há crime de evasão de divisas. Sendo assim, ao realizar compra ou venda de moeda estrangeiro ou pagamento de alguma transação, seja pessoa física ou jurídica, é necessário recorrer a esse operador autorizado, que pode ser um banco ou uma corretora de câmbio, que são encontradas em qualquer aeroporto do Brasil e do mundo e também espalhados pelas principais cidades do país.

Estatisticamente, os bancos possuem tarifas mais altas que as corretoras por não ser o principal serviço deles, sendo essa parte cambial um complemento de todo o serviço que oferecem. Já a corretora, que possui como especialidade a conversão, compra e venda de moeda estrangeira, consegue realizar essa operação com taxas mais acessíveis para os usuários.

Uma das tarifas incidentes nessas operações é o Imposto sobre Operações Financeiras (IOF), um tributo de âmbito federal aplicado sobre diversos tipos de operações cujo percentual varia de acordo com o tipo da transação, podendo atingir 25% no máximo.

No envio de recursos do Brasil para o exterior a alíquota IOF é de 1,1% para contas de mesma titularidade. No caso de envio para outras pessoas, a alíquota é de 0,38%, mesmo valor do envio de remessa do exterior para o Brasil. Já em compras internacionais no cartão de crédito, esse valor ultrapassa os 6% e na compra de moeda estrangeira a alíquota cobrada é de 1,1% sobre o valor da operação.

Qual a melhor oprção para fechar câmbio?

E agora, fechar o câmbio da sua operação com um banco ou com uma corretora?

O fechamento de câmbio é composto por 3 etapas principais, sendo elas: a contratação, a negociação e o fechamento. Na contratação é onde ocorre a conversão dos valores de acordo com a cotação do dia, é nesse momento que o importador ou exportador saberá quanto seus reais valerão em dólar ou vice-versa. Em seguida, na fase de negociação, a corretora ou banco poderá negociar taxas diferentes com seus clientes, oferecendo tarifas que sejam competitivas e boas para ambas as partes. Para entender mais essas etapas e garantir o fechamento do câmbio de forma satisfatória para o seu negócio, confira nosso artigo e conheça cada etapa detalhadamente!

Por que escolher o Câmbio Mais?

Para evitar taxas extras, letrinhas miúdas e surpresas desagradáveis ao finalizar a cotação, nós criamos o Câmbio Mais em parceria com o Banco Ourinvest, um tradicional banco de câmbio.

O Câmbio Mais consiste em uma plataforma 100% online com soluções rápidas e fáceis para ajudar empresas de Comércio Exterior a alavancar seus resultados. Esqueça os preços abusivos do mercado para fechar o câmbio e realize a sua cotação conosco obtendo as melhores taxas em poucos cliques e sem burocracias.

Estamos focados em pequenas empresas e comércio exterior. Entendemos que o processo de operação de câmbio não precisa ser caro nem burocrático. Oferecemos um serviço justo, transparente e ágil para a sua empresa. Cadastre a sua empresa e comece agora!

Postagens Recentes

Vantagens e desafios da alta do dólar

Vantagens e desafios da alta do dólar

O que é Swift e Iban?

O que é Swift e Iban?

Como exportar açaí?

Como exportar açaí?

Moda Fitness e o “Wellness”

Moda Fitness e o “Wellness”

Como definir o melhor incoterm?

Como definir o melhor incoterm?

Quais são os tipos de exportação e suas diferenças?

Quais são os tipos de exportação e suas diferenças?

Superávit e Déficit: o que são?

Superávit e Déficit: o que são?

Principais violações das regras FDA para exportação de alimentos

Principais violações das regras FDA para exportação de alimentos

Quais os principais benefícios da internacionalização de empresas?

Quais os principais benefícios da internacionalização de empresas?

Reintegra: Incentivo à exportação

Reintegra: Incentivo à exportação

Quais os custos de importação da China?

Quais os custos de importação da China?

Alta de exportação de Etanol para a UE

Alta de exportação de Etanol para a UE

Mais Conhecimento

Para encontrar empresas e fazer negócios, visite nosso portal: